TRE-BA já recebeu 100% das novas urnas; Alagoinhas e Cruz das Almas são os próximos polos a serem contemplados

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Abr

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) concluiu o recebimento de 100% das urnas eletrônicas que serão utilizadas nas Eleições Municipais de 2024. Os polos de Barreiras, Jequié e Juazeiro já receberam as novas urnas ainda em 2023. Os próximos polos a serem contemplados são Alagoinhas e Cruz das Almas. Ao todo, a Justiça Eleitoral baiana recebeu 15.515 urnas do modelo 2022.

No pleito deste ano, além das urnas modelo UE 2020 e UE2022, serão utilizadas as urnas dos modelos 2013 e 2015. Equipamentos de 2010 e 2011 serão descartados, uma vez que atingiram o término do ciclo de vida útil.

As urnas modelo 2020 (UE2020) e modelo 2022 (UE2022) são 18 vezes mais rápidas do que o modelo anterior, fabricado em 2015. Elas são mais ergonômicas e possuem algoritmo criptográfico, do tipo E521 (ou EdDSA), considerado um dos mais apurados do mundo. Ambas as versões têm perímetro criptográfico certificado pela Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP Brasil). Isso significa que, ao avaliar o programa embarcado e o código-fonte, um laboratório certificado pelo Instituto Nacional de Pesos e Medidas (Inmetro) atestou o pleno atendimento aos requisitos estabelecidos pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), que define as regras da ICP-Brasil.

Além das novas urnas, a Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (STI) do TRE-BA adquiriu monitores e notebooks para as Zonas Eleitorais (ZE) do interior da Bahia. De acordo com a STI, foi feita a aquisição para substituição de mais de 500 equipamentos.

A modernização do parque tecnológico do TRE-BA reflete o contínuo investimento na melhoria dos serviços oferecidos, evidenciando o comprometimento da instituição em acompanhar as demandas crescentes e as inovações no campo da tecnologia da informação. A STI planeja ainda ampliar a velocidade dos links de backup das zonas eleitorais, visando aprimorar ainda mais a segurança e a eficiência operacional durante os processos eleitorais.

Fonte: Voz da Bahia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solverwp- WordPress Theme and Plugin